domingo, maio 09, 2010

Burkina Faso: projeto para mulheres agricultoras

-

Burkina Faso: projeto apoiado pela ONU estimula a educação e cuidados com a saúde, para mulheres agricultoras


06 de maio de 2010 - Um programa-piloto das Nações Unidas que fornece geradores elétricos para as mulheres agricultores rurais em Burkina Faso, liberta-as de tarefas longas, para que possam dedicar mais tempo à educação, cuidados infantis e de saúde, deve ser adotado em escala nacional.

"Acho que esta tecnologia faz uma enorme diferença para as vidas das mulheres", disse (em 05/05/2010) a Administradora Helen Clark, das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD), às beneficiárias, em Kienfangué, uma cidade de 2.500 habitantes perto de Ouagadougou, a capital desse país pobre do Oeste Africano. "Tratar o arroz, no pilão, com a mão é muito difícil e leva muito tempo, mas o gerador pode fazê-lo rapidamente."

O programa de energia e de processamento de alimentos, que está transformando as mulheres em empresários locais, enquanto promove o acesso à energia, tem ajudado a instalar 441 geradores diesel montados em um chassi para o qual podemos agregar uma variedade de equipamentos de processamento, incluindo moinhos, alternadores e carregadores de bateria.

"Ao reduzir algumas das tarefas mais difíceis e demoradas das mulheres, como buscar água, trituração e moagem, o projeto tem ajudado a liberar uma média diária de 3:58 horas para essas mulheres, que as utilizam na educação, no cuidado com as crianças, na melhoria de sua saúde e na geração de fontes adicionais de receitas ", conforme comunicado do PNUD emitido hoje (06 de maio).

Ao reduzir o tempo necessário para processar produtos agrícolas, as agricultoras as mulheres também têm menos necessidade de suas filhas para ajudarem com as tarefas domésticas, elevando a freqüência escolar dessas meninas. Uma avaliação realizada em 14 aldeias na região oriental do Burkina Faso mostra que a alfabetização aumentou de uma média de 29 por cento a 39 por cento após a instalação dos geradores.

Reconhecendo estes resultados, o Governo já assinou um proposta para estender o programa a nível nacional e o programa está igualmente em curso no Mali e no Senegal. Seis outros países na África Ocidental - Benin, Gana, Guiné, Mauritânia, Níger e Togo - criaram seus próprios pilotos do programa.

"Tendo ferramentas como essas em todas as aldeias do Burkina Faso fará uma diferença enorme," Miss Clark disse. "As mulheres são capazes de atuar em atividades comerciais, na medida em que têm mais tempo. Eu percebo que há mais mulheres aprendendo a ler, porque elas têm mais tempo. São muitos, muitos benefícios. "

Em Kienfangué, a tecnologia é usada por 30 mulheres que criaram uma cooperativa denominada Association Faso Solidarité (Associação de Solidariedade Faso). Elas utilizam o gerador para moer cereais, pilar o arroz, e para carregar dezenas de baterias, bem como fazendo geração de energia elétrica para várias construções. Elas alcançam, assim, receitas adicionais, pois a maioria delas vende quantidade maior de arroz.

"Eu costumava ter problemas para vender o meu arroz, porque ele me levaria um dia inteiro para pilar com a mão e o resultado era de má qualidade", disse Maminatou Tassembédoue. "Um saco de 50 kg de arroz pode ficar comigo por duas semanas sem ser vendidos, e eu conseguiria apenas 1,47 dólares por saca. Agora, só gasto 30 minutos para bater o arroz e posso vender dois sacos em um único dia, voltando para casa com US $ 4,90. Com esse dinheiro posso comprar milho para a refeição de casa e sabão. Eu também posso pagar pela educação das crianças e até mesmo colocar algum do dinheiro em um fundo de poupança. "

Miss Clark, em uma visita de quatro países de África, que começou no Mali, no início desta semana, também irá a Tanzânia e África do Sul, também disse ter visto um enorme progresso na luta contra o HIV e SIDA em Burkina Faso, no acesso a água potável para as pessoas, e na educação.

Extraído de UN News
e UNDP / PNUD

Tradução livre de Memorial Lélia Gonzalez
-

Um comentário:

Pepe444 disse...

OTIMO BLOG! TA 5***** JÁ O SIGO! VISITA O MEU E SEGUE TAMBÉM >> http://artmusicblog.blogspot.com/